Cartazes sobre boas maneiras no metrô de Tóquio – parte I

17 08 2010

No mínimo curiosos, os posteres foram veiculados no metrô de Tóquio de 1976 a 1982 e visavam alertar os passageiros sobre esquecimento de objetos (como se notará; principalmente de guarda chuvas) e boas maneiras. 

Os três monstros chatos do metrô (outubro de 1982)

O poster alerta sobre os três monstros chatos do metrô, mas que podem ser facilmente encontrados em ônibus, bancos de praça e outros locais públicos; o Neshii (o monstro dorminhoco), Asshii (o monstro da perna que impede a passagem) e o Shinbushii ( o monstro leitor de jornal). O que eles tem em comum? Espaçosos demais não acha? 

Não jogue chiclete na plataforma (setembro de 1976)

Que kriptonita nada, o ponto fraco do Super Homem mesmo é chiclete no chão, basta ver o olhar afetado da moçoila (nouuuuuuuussa). 

O monopolizador de assento (julho de 1976)

Utilizando como inspiração o magistral filme de Charlie Chaplin “O grande ditador” este poster visa alertar os típicos “folgados” de plantão a não ocuparem mais espaço no banco do que o necessário. Um clássico! 

Não se esqueça de seu guarda-chuva (junho de 1977)

Este cartaz parece ter sido feito para os homens esquecidos. Valendo-se da imagem da cortesã de alta classe Agemaki, alerta os incautos a não esquecerem seus guarda chuvas ao saírem do metrô. Como dizem por aí: “A uma gueixa dessas lá em casa!” 

Space Invader (março de 1979)

 Este cartaz homenageando um jogo de fliperama(ainda existe?) muito popular pelos idos de 70 incentiva os passageiros a ler seus jornais sem invadir o espaço alheio. 

Isami Ashi:aguarde atrás da linha branca (maio de 1979)

Os lutadores de Sumô em combate servem de lembrete aos passageiros para que se mantenham em segurança atrás da linha branca; coisa de japonês. 

Não se esqueça do seu guarda-chuva (outubro de 1981)

E nem Jesus sabia o que fazer com tantos guarda-chuvas que eram esquecidos no metrô de Tóquio. 

Shimatta (Março de 1977)

Cuidado com a bolsa ao entrar no metrô, o superhomem ao fundo está muito ocupado correndo atrás do rapaz de amarelo e não poderá salvá-la. 

17

Tosse na plataforma (Janeiro de 1979)

Baseado em uma pintura do artista francês Toulouse Lautrec, este cartaz intitulado “Homu du Concon”, pede para que as pessoas não fumem na plataforma durante os horários designados para os não fumantes (07:00 – 09:30 e 17:00 – 19:00). A intenção do autor neste pôster é fazer um jogo de palavras com “concon” (som de tosse?) e “cancan” a dança francesa das moçoilas saltitantes.  

Sonho em casa (Dezembro de 1981)

Neste cartaz Doraemon (personagem clássico dos anos 80) vestido de Papai Noel alerta os “bebuns” de fim de ano a ficar em casa e não sair de metrô. 

O pensador (Maio de 1981)

Uma versão interessante do Pensador de Auguste Rodin que incentiva o passageiro a ser educado e não tomar o espaço alheio (vide Space Invader). 

Kappa (Agosto de 1979)

Mais um cartaz direcionado aos fumantes, para que evitem fumar nos horários designados para não fumantes. Esse bicho que parece uma tartaruga rodeada de cigarros é um Kappa, uma espécie de monstro aquático do folclore japonês que pode ser tanto benéfico como maléfico. Esse não está com cara de muitos amigos.

Guarda-chuvas deixados para trás no metrô (Junho de 1976)

Marilyn Monroe neste cartaz lembra os passageiros de não esquecerem seus guarda-chuvas quando saírem do metrô. Mas que guarda-chuva?

Fonte: pinktentacle.com

Anúncios

Ações

Information

One response

16 10 2010
alana

adorei e lindo bj.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: