Criatividade e nonsense total!!!

5 02 2010
 
O grupo  Gagfilms Productions (Get Along Gang) é uma pequena empresa de produção de vídeos de comédia situada na Califórnia responsável pela criação de vídeos que vão do absurdamente bizarro à comédia mais  escrachada.
Desde 2005,  a Gagfilms sob o comando de Daneboe, produziu vídeos virais com animação gráfica, efeitos especiais e animação que ganharam mais de 30 milhões de visualizações.
 
Eles se destacam pela peculiar maneira de animar coisas inanimadas como ovos, frutas, vegetais e objetos, colocando bocas e olhos de verdade. Para não dizer outra coisa, fica no mínimo engraçado!
 
 
 
 
 
 No imenso portfólio de animações da Gag a queridinha do momento é o famoso vídeo “The Annoying Orange” (Laranja Irritante em português).
Com um repertório bordões como “hey! hey you!!”, “hey apple!”, “I’m an orange” e piadinhas irônicas e trocadilhos infames a “laranja irritante” não perdoa ninguém e sua marcante risada sarcástica irrita qualquer um.
 
 
 
Embora existam os vídeos da série com legendas em português ( Lista de reprodução), mesmo quem possui um inglês básico não ficará sem entender o que se passa, pois os diálogos são rápidos e fáceis de entender e até bobos, garantindo também a diversão das crianças, apesar de não ser necessariamente uma série educativa, politicamente correta e voltada para o público infantil.
 
Anúncios




Luciano Pires e a despocotização do Brasil.

2 02 2010

 

Luciano Pires é o tipo de profissional que se pode chamar de multimídia: empreendedor, conferencista, jornalista de opinião, radialista, cartunista, escritor e aventureiro. Com certeza você já deve ter topado no youtube com alguns vídeos produzidos por ele, como o abaixo:

 

E todas estas incursões podem ser acompanhadas no brilhante site www.lucianopires.com.br, onde você também poderá encontrar o maiores informações sobre o movimento pela despocotização do Brasil, com enquetes, fóruns, artigos, vídeos, rádio e uma variedade de conteúdo focado nas questões da educação e da luta contra o emburrecimento do país.

Autoria de Luciano Pires

 

Você também pode ter acesso à programação do Café Brasil via DLOG (uma espécie de blog proativo que vai ao encontro do leitor). O conteúdo do DLOG é o mesmo do programa Café Brasil, que é produzido e apresentado semanalmente por Luciano Pires em algumas rádios do país e depois transformado em podcasts que você pode ouvir em www.lucianopires.com.br/cafebrasil/podcast, bem como, baixá-los.

O interessante nisto tudo é que o programa de rádio tem o ritmo, o som e a emoção que a voz pode trazer, o boletim traz as imagens, letras, biografias e links que a Internet proporciona e um complementa o outro. A verdadeira integração de mídias.

Rádio-Podcast-DLOG… Leia o DLOG. Baixe o podcast. Ouça o programa. Visite o site e participe desta inédita integração entre mídias.

Fonte de pesquisa: www.lucianopires.com.br e newsletter Escola D’Sagres mês de Janeiro.





Você conhece o museu da pessoa?

23 10 2009

Que tal contar para o mundo a sua história de vida e deixar para a posteridade um relato do quão maravilhoso era ser você?

Esta é basicamente a idéia do museu da pessoa, mas o que é o museu da pessoa?

Fundado no ano de 1991, mesmo com a não existência da internet (no formato e popularização atual) no começo o museu já definia a si mesmo como virtual, ou seja, um museu para preservação de histórias de vida, organizadas em uma base digital (banco de museus, CD-ROMs, etc). O seu objetivo principal era e é criar um novo espaço onde cada pessoa possa ter a oportunidade de preservar sua história de vida e de tornar-se uma das múltiplas vozes da nossa memória social. 

A crença principal “é a de que a memória social, construída democraticamente, poderia contribuir para criar diferentes perspectivas da sociedade. Uma história de vida é, sem dúvida, uma forma poderosa de entender uma pessoa. Mais do que isso, conhecer – por meio da escuta ou da leitura – um grupo de histórias de vida é uma maneira incrível de expandir a visão do mundo, pois elas são peças de informação únicas, que nos mostram como as diferentes pessoas criam suas próprias realidades”.

Senta aí, vou te contar a minha história de vida cara. Dá um romance!

Senta aí cara, vou te contar a minha história de vida... Melhor do que muito best seller que anda por aí!

O Museu da Pessoa atualmente é formado por quatro núcleos (Brasil, Canadá, Estados Unidos e Portugal) autônomos, auto-sustentáveis e ligados por metodologia e objetivos comuns, sendo o Museu da Pessoa no Brasil o primeiro.

Todos os projetos empreendidos pela Instituição utilizam a metodologia de história oral que além de resultar em um produto, sempre agregam histórias de vida ao acervo virtual.

Uma ótima iniciativa para conectar diferentes gerações, classes, comunidades e histórias de vida que não mais se repetirão.

Fonte: www.museudapessoa.net